Episódio 003

Neste episódio pedimo-vos para realizarem entrevistas a bombeiros ou desenvolverem cartazes de sensibilização para o perigo dos incêndios.

Aqui estão os vossos trabalhos:

EB1 de Alvelos – Barcelos


Cátia e Patrícia – EB1 de Alvelos – Barcelos


Diana – EB1 de Alvelos – Barcelos


Diana Maria – EB1 de Alvelos – Barcelos


Flávia- EB1 de Alvelos – Barcelos


Jọo e Rafaela РEB1 de Alvelos РBarcelos


Maria Jos̩ РEB1 de Alvelos РBarcelos


Pedro – EB1 de Alvelos – Barcelos


Roberto e Bruno – EB1 de Alvelos – Barcelos


Ruben – EB1 de Alvelos – Barcelos


Maria Jọo РEB1 de Alvelos РBarcelos
*****
ENTREVISTA A UM BOMBEIRO

1- Qual é a Corporação de Bombeiros a que pertence?
A corporação de bombeiros a que pertenço é de Barcelinhos

2- Há quantos anos é bombeiro?
Sou Bombeiro há 15 anos.

3- O que costuma fazer?
Costumo fazer serviços de incêndios e serviços de saúde.

4- Quando vai apagar fogos o que leva vestido, para se proteger?
Quando vou apagar fogos levo vestido, para me proteger um fato-macaco próprio dos bombeiros e capacete.

5- O que leva para apagar os incêndios?
Levo viaturas com água e com vários batedores.

6- O que leva para apagar um incêndio no monte é igual ao que leva para uma fábrica?
Não, o material que eu levo para apagar incêndios nas fábricas tem a ver com o material que eles trabalham. (tecido, pneus, madeira, …)

7- Quanto tempo demora a apagar um fogo?
Depende das circunstâncias, varia muito.

8- Quando é chamado para um acidente grave, onde as pessoas estão presas o que leva para as retirar?
Levamos uma viatura de descerramento.

9- Quer nos contar alguma coisa especial que lhe tivesse acontecido?
Foi quando ganhei a minha 1ª medalha aos 5 anos de Bombeiro.

10- O que me dizia se eu quisesse ser bombeiro?
Se quisesses ser bombeiro dizia que era uma profissão dura, mas boa.

Pedro, 9 anos – EB1 de Alvelos – Barcelos

******

Visita aos Bombeiros

No ano passado fizemos uma visita ao Quartel do Bombeiros Voluntários de Barcelos.
Vamos contar-vos como foi a nossa visita.
Saímos da escola às 9 h 30, fomos em dois autocarros, porque somos muitos alunos.
Quando chegámos tínhamos à nossa espera o Chefe dos Bombeiros e mais alguns “Soldados da Paz”. Começamos por visitar o museu, havia tanta coisa para ver!
O Chefe com a ajuda de alguns bombeiros ia explicando o que víamos: medalhas de mérito pelos serviços que tinham feito; fotografias dos primeiros carros dos bombeiros, (eram carroças), fotografias dos bombeiros a apagarem incêndios e a salvar pessoas dos acidentes rodoviários, e fotografias de bombeiros que morreram a salvar pessoas. Continuamos a visita, chegamos aos trabalhos feitos em barro, pelos oleiros de Barcelos, sobre os bombeiros, algumas eram engraçadas e muito bonitas.
Na exposição havia imagens de santos queimadas por um grande incêndio que aconteceu há alguns anos numa igreja do concelho.
Chegamos ao Salão Nobre que só é aberto em dias de festa ou em visitas como a nossa. Lá estavam as fotografias de todos os Comandantes desta Corporação, já foram muitos e alguns já morreram.
Sabiam que os bombeiros têm camaratas? Na parte das camaratas há uma para homens e outra para mulheres, porque também há mulheres bombeiras. Ao lado das camaratas havia uma caixa em vidro, quiséssemos saber o que era. O chefe explicou-nos que era uma incubadora para bebes que nascem com problemas graves e tem que ser transportados para outro hospital.
Depois desta visita paramos para lanchar, pois tínhamos fome. Lanchamos no pátio, enquanto os bombeiros preparavam o material para as demonstrações.
Terminamos de lanchar e fomos visitar os carros de bombeiros e são tantos! O que gostamos mais foi um que já não sai do quartel, é tão velhinho que tem partes em madeira, é muito bonito. Ao lado dos carros estavam fatos especiais, eram pesados, mas protegem das temperaturas elevadas, cheiravam muito a fumo. Tinham sido utilizados no incêndio que houve numa fábrica, em Barcelos. Vimos também as máscaras que utilizam, quando há muito fumo ou é tóxico, parecem máscaras da guerra. Podemos tocar nos utensílios que levam para os incêndios, machados, mangueiras e mais coisas.
A seguir vieram as demonstrações dos bombeiros, começaram por subir a uma torre que tem para fazer os exercícios, é muito perigoso subir, por isso tinham muito cuidado.
Terminaram com o canhão de água voltado para a torre, nós brincávamos com os pingos de água.
Gostamos muito da visita e alguns têm familiares que são bombeiros. Pensamos que deviam apoiar mais os bombeiros porque eles salvam as nossas vidas e correm perigo por nossa causa.

Texto colectivo alunos 4º ano de Alvelos – Barcelos

*****

Ana – EB1 de Pereira – Barcelos

Ana Carolina – EB1 de Pereira – Barcelos

Ana Raquel – EB1 de Pereira – Barcelos

António – EB1 de Pereira – Barcelos

Cátia – EB1 de Pereira – Barcelos

Jos̩ Rafael РEB1 de Pereira РBarcelos

Rui – EB1 de Pereira – Barcelos

Sara e Filipa – EB1 de Pereira – Barcelos

T̢nia РEB1 de Pereira РBarcelos

Comentar