Actividades na categoria ‘1º Ciclo’

Projecto e-Cont@Contos

Myebook - A Cinderela - click here to open my ebook

Descrição da Actividade - A actividade que passo a descrever trata-se de um projecto que nos encontramos a desenvolver no Jardim-de-infância que designámos de e-Cont@Contos. É, pois, uma experiência na área da escrita colaborativa, pelo recurso à Internet na qual dinamizamos narrativas que proporcionam às crianças um grau de autonomia crescente nesta área, na medida em que são responsáveis pela criação do seu próprio texto. É, portanto, facultada a cada criança a possibilidade de criar, imaginar, recontar, desmontar, experimentar contos do seu imaginário ou das suas aprendizagens diárias. Naturalmente que, como educadora, cabe-me supervisionar todo o processo, nomeadamente a articulação dos textos e sons que acompanham cada cena. É nossa intenção, com esta estratégia metodológica potenciar a criatividade e o enriquecimento da linguagem, ao mesmo tempo que se favorece o trabalho em grupo e cujo processo incide em aprendizagens significativas.
Em síntese pretende-se:
Desenvolver a criatividade, sentido crítico e autonomia das crianças;
Desenvolver processos de leitura e escrita;
Potenciar o enriquecimento da linguagem;
Promover o contacto com os suportes multimédia;
Permitir a aprendizagem colaborativa;
Despertar o interesse e o gosto pela leitura;
Compreender a leitura a partir de suportes multimédia;
Facilitar a aprendizagem de forma mais significativa

Para a criação deste e-Cont@Contos tivemos em consideração os seguintes passos:
Criámos a história/argumento; seleccionámos os textos para cada cena/página; seleccionámos as imagens/desenhos de cada cena; gravámos o áudio do e-Cont@Contos e por fim integramos todos os elementos.

“A Cinderela Encantada” é o nosso primeiro e-Cont@Conto da autoria da I. Maria.
Com a ferramenta Myebook, conseguimos tornar o conto mais interactivo e participado numa forma diferente de contar e de  ler um conto!

Recursos - Equipamento informático com ligação à Internet; microfone; colunas de som; scanner; máquina digital; programa Audacity; ferramenta Myebook.

Conteúdos da língua portuguesa – Reconto, compreensão oral e escrita, articulação correcta das palavras.

Competências digitais – Literacia digital, interacção com aplicações digitais.

8 Comments


Texto colaborativo e reconto em BD usando Pixton

Descrição da actividade - O objectivo inicial da actividade consiste na elaboração de uma narrativa, mais ou menos curta, a partir de um mote fornecido pelo professor. Numa primeira fase, de forma colaborativa, cada aluno de uma turma acrescenta uma frase, período ou parágrafo que complemente a ideia transmitida anteriormente ou que faça progredir a narrativa. A actividade pode ser realizada oralmente, fazendo-se simultaneamente o registo escrito, ou por escrito utilizando-se uma das aplicações de escritório on-line (Google Docs, Zoho Writer,…).
Com a narrativa completa e revista, solicita-se aos alunos que recontem a história em banda desenhada, sugerindo-se para o efeito a utilização da ferramenta on-line Pixton. O uso desta ferramenta ou de outras similares (stripcreator; toonlet; stripgenerator; Myths and Legends Story Creator; toondoo; kerpoof studio; Comic Creator; comicqs; …) permite a aplicação da técnica e dos conceitos da BD.  
A realização desta actividade, recorrendo ao Pixton, permite, também, a articulação com as disciplinas de língua estrangeira - a ferramenta faz a tradução automática para outra(s) língua(s) -, Educação Visual e, eventualmente, Expressão Dramática.
Recursos - processador de texto, Pixton.
Conteúdos da língua portuguesa - Expressão oral, expressão escrita, reconto, banda desenhada
Competências digitais – Literacia digital, domínio de ferramentas digitais para elaboração e publicação de conteúdos.
Imagem e ligação para um exemplo
bd

2 Comments


Quanto vale uma imagem com palavras?

bublesnaps
Descrição da Actividade - Quando fazemos uma viagem ou visitamos um local de interesse com os nossos alunos, surge-nos por vezes a dificuldade de criar um suporte a que chamamos de memória colectiva.

Propomos por isso, uma ferramenta que articula o texto com a imagem de uma forma muito semelhante ao que acontece na banda desenhada. É certo, que as imagens têm aquele poder de transmitir informação, sensações e determinados sentimentos muito pessoais. Mas quando conseguimos articular a imagem ao texto, creio que a mensagem chega ao receptor de uma forma mais apelativa, lúdica, no fundo mais eficaz.

Proponho, então, e a propósito de uma visita de estudo realizada à cidade do Porto, a utilização do Bubblesnaps. Esta ferramenta tem várias potencialidades, das quais saliento a possibilidade que nos dá de colocar pequenos textos, que podem surgir como comentários, diálogos, pensamentos, registos, etc., face aquilo que se observou. Por outro lado, o registo das experiências vividas ultrapassa o lado estático da imagem, conferindo mais dinamismo e interactividade ao utilizador.

Recursos - computador, bubblesnaps, acesso à Internet, máquina digital.

Conteúdos da Língua Portuguesa - expressão oral, leitura e escrita.

Competências digitais - literacia tecnológica, manuseamento do rato.

Quanto vale uma imagem com palavras?
Algumas das imagens capturadas com a nossa máquina digital, no percurso da Marginal até à Foz.

2 Comments


iniciação à escrita no computador

Aos alunos com Necessidades Educativas Especiais é necessário colocar objectivos realistas, de acordo com o seu estado de desenvolvimento.

Tenho trabalhado com alunos com Trissomia 21 que se encontram muito limitados ao nível da escrita e da leitura. Para esses alunos uso o programa de edição de texto para o simples facto de estes permitir a digitação de letras e terem um corrector ortográfico que lhes dá um “feedback” instantâneo relativamente à escrita das palavras.

Contudo para a iniciação ao uso do teclado (e do rato) e na identificação de caracteres uso o software “Projecto Âncora”.

Projecto Âncora

Este programa é um conjunto de actividades que visam treinar o uso do rato e do teclado através de actividades como seleccionar e arrastar objectos e copiar letras e números.
Cada actividade é complementada com reforços positivos e negativos a nível visual e auditivo.
A aplicação, desenvolvida pelo Departamento de Comunicação e Arte da Universidade de Aveiro, tem apenas uma limitação que penso que pode ser ultrapassada com boa-vontade: apenas pode ser utilizada pelas instituições da Associação Portuguesa de Portadores de Trissomia 21 (APPT21) e Capuchinho.

Recursos:

- Programa de Processamento de Texto (Word, Write, Pages, Google Docs, etc)
- Software Projecto Âncora (http://appt21.org.pt/Recursos/treino_rato/download)

Conteúdos de língua portuguesa
- Compreensão escrita; expressão escrita; Escrita

Competências digitais:
- utilização do computador como ferramenta de expressão escrita.

No Comments


Escola Virtual

Descrição da actividade – A Porto Editora desenvolveu a Escola Virtual, um conjunto de actividades de disciplinas (onde tem especial destaque o Português) dos vários níveis de ensino. É claramente um projecto com fins comerciais, por isso de acesso fechado. Mas tem algumas actividades de acesso aberto, para que se possa experimentar. Foi assim que conheci a Escola Virtual, através de uma desta actividades. Era sobre o Gato Malhado, para o 8º ano. Acabei por fazer a inscrição durante um ano, para o 8º e 12º, e acho que foi interessante. Utilizei em algumas aulas (é para utilizar apenas de longe a longe) e as reacções dos alunos foram positivas, sobretudo quando conjugada com o quadro interactivo. Estão disponíveis para experiência aulas desde o 1º ciclo até ao 12ºano, bem como ensino profissional e Português língua não materna.
Competências digitais – desenvolve a atenção
Recursos - Escola Virtual
Conteúdos da língua portuguesa – variado.

No Comments


imagens e palavras

Uma das técnicas que uso para iniciar as crianças na leitura e escrita, usando o método analítico-sintético (letra->sílaba->palavra) é o contar de histórias.

Para cada fonema/grafema e para cada caso de leitura existe uma história ou uma canção que procura reunir o máximo de palavras iniciadas ou compostas pela(s) letra(s) em questão. É um “jogo” interessante que ao fim de algumas vezes consegue fazer com que os alunos ao fim de alguns parágrafos ou versos já adivinhem a letra ou o caso de leitura que estão a aprender.

Como forma de apoio a estas actividades, sempre que se conta a história vou colando no quadro uma série de imagens impressas e em trabalho grande que lhes permite aumentar o vocabulário, memorizar as palavras e até a história.

Depois de contada a história ou a música é só olhar para o quadro e rever as palavras apresentadas. Em alguns casos também escrevo a forma manuscrita da palavra por baixo de cada imagem para partir para uma exploração global (palavra->sílaba->letra).

Em turmas mais avançadas, as imagens podem ser usadas como forma de complementar exercícios no quadro como em ditados mudos ou em composições a partir de “sopas de imagens”.

Para criar as imagens basta aceder a uma boa base de dados de imagens (de preferência coloridas, ao estilo cartoon) e inseri-las num documento. Basta 2 imagens por página para estas serem visíveis no fundo da sala. A impressão deverá ser feita em folhas de papel grosso para permitir a reutilização das imagens pelos alunos e pelo professor.

Exemplos:

imagens-para-o-fonema-m

No Comments


podcasting na língua portuguesa

O podcast é uma forma de associar os conteúdos áudio e vídeo a um feed rss. Isso permite que sempre que haja um novo ficheiro disponível, esse seja distribuído pelos subscritores do feed. Desta forma os subscritores não precisam de procurar os novos episódios, estes são-lhes entregues automaticamente.

No caso da língua portuguesa o podcasting e a publicação de ficheiros áudio e vídeo possuem uma grande potencialidade de sucesso principalmente pela forma com que se torna possível distribuir facilmente ficheiros pelos alunos ou por um grupo de trabalho. Além disso como quase todos os alunos, inclusivamente do ensino básico, possuem um leitor de música digital, o acesso e o uso deste mecanismo permite aos alunos ouvir e até ver os conteúdos em vários locais onde normalmente não estariam a estudar.

O podcast, quando associado a um blogue pessoal, pode também ser mais uma forma de promover o trabalho realizado noutras formas de expressão como a escrita. Os alunos podem usar os ficheiros áudio para mostrar (e até auto-avaliarem) as suas capacidades de leitura expressiva. No caso dos alunos que ainda não desenvolveram a capacidade de expressão escrita (como o caso dos alunos do ensino pré-escolar) esta ferramenta também mostra as suas potencialidades.

Hoje em dia é muito fácil produzir e manter um podcast. Os programas necessários existem para a maioria das plataformas (Windows Linux e Mac OS), são gratuitos e fáceis de usar. O alojamento, tanto para os ficheiros como para o blogue de aopio também pode ser gratuito.

O processo de criação e publicação de um podcast de uma forma muito simples:
- Os ficheiros são gravados e editados com o software de edição de áudio como o Audacity.
- Depois são enviados para o servidor na Internet (mypodcast.com, archive.org, amazon s3, etc…) e as ligações são adicionadas ao conteúdo do artigo do blogue.
- O software do blogue adiciona a ligação dos ficheiros ao “feed”.
- O “feed” é lido pelo software do utilizador agregador que automaticamente descarrega os novos conteúdos.
- Opcionalmente, o utilizador pode deixar comentários no blogue como em qualquer outro blogue.

Existem na rede excelentes exemplos do podcast em ambientes educativos. A maioria deles aborda conteúdos da área da língua portuguesa.

Recursos:
podcast “Era uma vez
podcast “da janela do meu jardim
blogue “letras, sonhos e cores
software Audacity

2 Comments


Formulários interactivos

Uma das características mais úteis e mais desconhecidas do Word é a capacidade de criar formulários interactivos.

Para aceder a estas funcionalidades é necessário, no Word 2007, aceder à aba “Programador” (para a activar temos de clicar no Botão do Office, escolher o menu “Popular”, e activar a opção “Mostrar separador Programador no Friso”); no Word 2003 esta opção está no menu “Ferramantas”.

Com estes formulários é possível criar um documento interactivo que permite ao aluno, resolver exercícios de uma forma mais autónoma.

O documento, depois de resolvido, pode ser impresso e depois a informação complementar como a avaliação pode ser preenchida facilmente. Além das ferramentas de interacção, é possível bloquear o documento de forma que os utilizadores apenas possam usar os fomulários.

Recursos:
- Microsoft Word 2007/2003

Conteúdos da Língua Portuguesa:
- revisão de conteúdos aprendidos

Competências digitais:
- interacção com o computador; preenchimento de formulários.

Imagens:

formulários no word

formulários no word - exercícios para o método das 28 palavras

Recursos:

avaliacao28palavras

1 Comment


Mapas de Conceitos

Descrição da Actividade
A actividade que apresento não passa ainda de uma experiência incipiente, na medida em que estou a tentar contextualizá-la no domínio da aprendizagem da língua portuguesa e, por outro lado, não tenho resultados suficientes que me permitam apresentar conclusões.
A ideia surgiu da necessidade de tornar a estrutura e a mensagem de “Os Lusíadas” mais entendível, mais moldável. Ao mesmo tempo, e como razão de fundo, penso que vale mesmo a pena investir nas ferramentas digitais como meios de desenvolvimento do pensamento crítico, do raciocínio metacognitivo, no seguimento do que disse Jonassen.

O objectivo é levar os alunos a desenvolver Mapas de Conceitos. Teriam, então, a partir de assuntos explorados na aula, apresentar relações de significado entre elementos e estruturas relacionais de baixa complexidade, em torno das aprendizagens adquiridas em “Os Lusíadas”. O objectivo central da actividade passa por, numa primeira fase, os alunos terem de demonstrar um conhecimento global da temática abordada e, a seguir, combinar as partes não organizadas, no sentido de formar um todo entre ideias e conhecimentos. Procurei transmitir que quem quisesse realizar este projecto, teria que dominar com alguma facilidade os conteúdos e estaria a avaliar a profundidade do seu conhecimento. A primeira ferramenta proposta foi o Bubbl.us; logo de seguida, a Doutora Altina Ramos sugeriu também outras versões gratuitas - Cmap.Tools e Freemind.
Como os blogues também funcionam como portefólio de cada aluno (este será o próximo assunto a abordar aqui), interessa que o trabalho final seja conhecido por todos, com a finalidade de haver uma participação activa dos pares e ao mesmo tempo fomentar a discussão e a reflexão
Ficam os trabalhos da Andreia, João,Pedro e Sara.

Conteúdos e competências de Língua Portuguesa - apreender criticamente o significado e a funcionalidade de textos escritos; reconhecer as ideias essenciais; estabelecer relações lógicas; identificar as partes e as suas inter-relações;
realizar operações de revisão; atribuir prioridades a valores.

Competências digitais - leitura, escrita, selecção, literacia informacional.

Recursos – blogue; Bubbl.us.; Cmap.Tools; Freemind.

1 Comment


Do texto para o vídeo

Descrição da actividade:

Usando o Windows PhotoStory (uma versão mais simples e fácil de usar que o Windows Movie Maker) é possível criar um vídeo a partir de uma história criada na sala de aula ou recontada pelos alunos.

Esta é uma actividade que se pode realizar ao longo de várias aulas.

Após ouvir ou ler uma história em conjunto divide-se a turma em grupos. Cada grupo será responsável por resumir ou recontar uma parte da história.

Depois de fazer o reconto ou resumo escrito da sua parte, os grupos apresentam o trabalho uns aos outros de forma a discutir as alterações necessárias para que as várias partes “encaixem” de forma lógica umas nas outras.

De seguida, cada grupo procede à ilustração da sua parte.

Depois de digitalizadas as ilustrações, cada grupo, usando o Windows Photo Story 3, faz a narração das suas imagens. Como o programa permite ouvir a narração antes de a anexar ao documento, os alunos podem ouvir o que gravaram e só escolher a versão definitiva quando estiverem satisfeitos.

No final, todas as partes narradas são exportadas para um filme que pode ser publicado num sítio de partilha de vídeos como o SAPO Vídeos ou o Youtube.

Recursos:
Windows Photo Story 3

SAPO Vídeos

Youtube

Conteúdos da Língua Portuguesa:
- desenvolvimento da escrita e da técnica de resumo;
Competências digitais:
- utilização do computador como uma ferramenta de processamento de texto; interacção com programas.
Vídeos (exemplo):

A Montanha da Lua

A ratinha do campo e a ratinha da cidade

No Comments



SetPageWidth